As diferenças entre MEI, EIRELI e Empresário Individual

Sócios

Sócios

Primeiramente, apenas advogados conseguem abrir uma empresa se tiverem sócios. Nas demais atividades, você pode optar por três diferentes configurações que não requer a participação de sócios administradores para desenvolver alguma atividade empresarial, isso é o que iremos tratar nesse post.

O Microempreendedor Individual (MEI) é ideal para o empreendedor que tem faturamento anual de limite de R$ 60 mil e até um funcionário. O MEI faz parte do Simples Nacional que cobra tributos mensais de R$ 40,40 (comércio ou indústria), R$ 44,40 (prestação de serviços) ou R$ 45,40 (atividades mistas, comércio e/ou indústria e serviços). Os valores recolhidos serão destinados à previdência social, ao ICMS e ao ISS.

[elementor-template id=”8045″]

O Empresário Individual é muito confundido com o MEI, mas é bem diferente. O empresário individual pode ter rendimento bruto anual entre R$ 360 mil (Micro Empresa) a R$ 3,6 milhões (Empresa de Pequeno Porte). Aqui o empresário pode abrir a empresa no próprio nome, reconhecido em firma.

Detalhamos todas as principais características sobre mei

Em suma, no EIRELI, que significa para Empresa Individual de Responsabilidade Limitada, o capital da empresa não pode ser inferior a 100 vezes o valor do salário mínimo em vigor, o que atualmente corresponde a R$ 78.800,00. Nessa opção, apenas o patrimônio da empresa será alvo da justiça em caso de quitação de algum inadimplemento.

Separamos alguns textos que talvez você goste:

O euContador é um escritório de contabilidade online com atendimento direto e personalizado (chat, skype, whatsapp ou telefone).
Mantemos sua empresa 100% REGULARIZADA !
Comece agora mesmo!!!
Orçamento