Fale Conosco
  • phone
    (11) 2041-1019 \ (11) 2041-7266
  • location_on

    Rua Engenheiro Osvaldo Andreani 614, Sala 1 Vila Rio Branco, Zona Leste.

Deixe sua Mensagem

Entenda como a Receita Federal fiscaliza as vendas de cartão de crédito e débito nas empresas!!

Hoje você vai entender como a Receita Federal fiscaliza as vendas de cartão de crédito e débito nas empresas. Você sabia que a Receita Federal fiscaliza as vendas que as empresas realizam por meio do cartão de crédito e débito? Hoje em dia, existem sistemas que permitem ao governo acompanhar essas transações, cruzar dados e encontrar discrepâncias.

Por isso, é essencial ter no seu negócio toda a transparência necessária, para evitar problemas com o fisco. Mas como fazer isso? Se você quer descobrir as soluções para manter as suas vendas adequadamente registradas e não se dar mal com a Receita Federal continue lendo este artigo.

Aqui, você entende como a Receita Federal fiscaliza as vendas de cartão de crédito e débito nas empresas e descobre algumas soluções assertivas para aumentar a eficiência do seu negócio nesse quesito. Para tanto, confira os tópicos a seguir:

  • Como a Receita Federal recebe as informações da sua empresa
  • Como acontece o cruzamento de dados sobre as vendas
  • Como evitar problemas com a Receita Federal

Como a Receita Federal recebe as informações da sua empresa

Se você quer saber como a Receita Federal fiscaliza as vendas de cartão de crédito e débito nas empresas, é preciso entender que o governo realiza a monitoração de todas as vendas realizadas pelas empresas, inclusive, as que acontecem por meio dos cartões.

Saiba um pouco mais sobre Transformação Societária neste post.

Isso é possível porque as operadoras, a exemplo da Rede, da Cielo, da Stone e outras, possuem o dever se informar esses dados à Receita Federal. Com isso, essas empresas enviam as informações de venda ao governo, à medida que acontecem, e o governo as arquiva.

Além disso, o empresário também deve encaminhar para a Receita Federal, todos os meses, diversas informações ao governo, o que costuma ser feito pelo seu contador. Entre elas, é possível citar as que devem ser enviadas por meio de sistemas como o Sintegra, SPED, etc.

Cada empresa deve ainda declarar para a Receita Federal o seu faturamento mensal que, normalmente, é discriminado por forma de recebimento. Ou seja, nesse documento também aparecem as vendas realizadas com cartão de crédito e débito.

Dentre as inúmeras obrigações anuais de uma pessoa jurídica está a Declaração do Imposto de Renda Retido na Fonte (DIRF).

Como acontece o cruzamento de dados sobre as vendas

A partir do momento que a Receita Federal tem em mãos tanto as informações enviadas pelas operadoras de cartão de crédito, quanto os dados declarados por cada empresa, é possível cruzar ambas as fontes de dados e averiguar se coincidem.

Ou seja, é feito um cruzamento entre os dados apresentados, de modo que o faturamento informado pelo empreendimento deve ser equivalente aos números informados pelas operadoras de cartões. E, quando os dados não coincidem, significa que há algo de errado.

A partir disso, de maneira automática, a Receita Federal classifica a empresa em situação irregular, sendo que o negócio possui um determinado prazo estipulado para que tenha o direito de regularizar o pagamento dos seus impostos.

Varejo e Atacado

Afinal, quando existe discrepâncias entre esses dados, quer dizer que o empreendimento não registrou no seu sistema todas as vendas. Vale lembrar que sobre cada venda realizada, a empresa deve pagar tributos para o governo.

Então, se existem vendas não registradas de modo adequado, significa que nem todos os impostos devidos foram pagos. Porém, a empresa tem uma chance de quitar a sua dívida e voltar a ficar regularizada perante o governo.

Vale lembrar que, cada vez mais, a Receita Federal está rígida na fiscalização que desempenha, a fim de evitar os casos de sonegação. Por isso, é importante promover a transparência na sua empresa, até porque se algo for detectado, o governo pode querer ir mais fundo.

Ou seja, aumentar a fiscalização sobre o seu negócio, inclusive, revisando os seus registros de até cinco anos atrás. E, se outros problemas forem encontrados, a dívida com a Receita Federal pode aumentar.

Como evitar problemas com a Receita Federal

Além de tentar fugir do pagamento de impostos, é possível que os problemas com a Receita Federal iniciem por falta de atenção da empresa, o que costuma acontecer devido à ineficiência no gerenciamento das suas vendas. Porém, para isso existe solução.

Atualmente, há diferentes recursos e ferramentas, facilmente disponíveis, que contribuem com a gestão do seu negócio, inclusive, para evitar que haja a sonegação de impostos por pura falta de organização.

Veja a seguir quais são algumas soluções para evitar problema quando a Receita Federal fiscalizar as suas vendas de cartão de crédito e débito:

Promover a automação do PDV na sua empresa

Lojas e demais estabelecimentos que realizam vendas com cartão de crédito ou débito devem investir na automação do processo, com um software que ofereça o módulo PDV, ou seja, ponto de venda. Basicamente, ele funciona como o caixa da sua empresa.

Dessa forma, na mesma hora em que uma venda é realizada, é possível registrá-la, sem deixar para depois, um dos motivos que leva aos erros no registro das entradas do seu negócio. Além disso, o PVD permite acompanhar o fluxo de caixa, inclusive, os recebimentos todos os dias.

Esse software pode ainda emitir nota fiscal, fazer conciliação bancária e desempenhar demais funções que contribuem como um todo para a administração eficiente do seu estabelecimento.

Garantir o correto lançamento das suas vendas com cartão

Mesmo com um software adequado, é preciso fazer os lançamentos de forma correta. Ou seja, se uma venda foi feita com cartão de crédito ou débito, por exemplo, pode dar muita confusão, posteriormente, se enganar e registrar a venda como em dinheiro.

Ainda mais em estabelecimentos com grande fluxo de clientes, um simples erro pode prejudicar todo o controle das vendas. Portanto, além de ferramentas adequadas, o profissional que realiza a operação deve estar bem instruído.

Além disso, o fechamento de caixa, mais uma função que o PVD oferece, é uma dica para corrigir possíveis lançamentos errados.

Afinal, o fechamento de caixa consiste em uma revisão do que aconteceu no final do dia, evitando acumular erros dos dias anteriores, que são mais difíceis de serem detectados.

Controlar as transações com o conciliador de cartão

Há softwares que também fazem a conciliação dos cartões, ou seja, revisem as vendas executadas em um determinado período e verificam se há alguma discrepância. Além disso, ajudam a controlar o seu fluxo de caixa.

Isso porque, as operadoras de cartão cobram taxas, que são cobradas sobre o valor de cada venda que é realizado no crédito e no débito. Isso quer dizer que o valor vendido não é aquele que você vai receber.

Assim, o conciliador de cartão já faz os cálculos necessários para você saber quanto e quando vai receber. E mais, hoje em dia, aliás, existem muitas soluções que contribuem com esse controle necessário para as vendas.

Um exemplo são as próprias maquininhas de cartão, como a Moderninha, do PagSeguro que, além de permitir o aumento da conversão de vendas, com a possibilidade de pagar com cartão de crédito e débito, contribui com a melhor gestão do seu empreendimento.

Para tanto, quem tem a Moderninha, basta acessar PagSeguro minha conta e verificar os lançamentos realizados. Essas informações podem ser comparadas com os seus registros bancários e os registros feitos pela empresa.

Com todo esse cuidado e as revisões necessárias, o seu contador não comete o grave erro de enviar para o governo as informações incorretas que você encaminhou a ele.

Por consequência, não haverá discrepâncias com as informações que a Receita Federal recebe das operadoras e você não precisa se preocupa em ter problemas com o fisco.

Não perca mais nenhum post!

Assine nosso blog e receba novos posts frequentemente em seu email.

Mais sobre Notícias

Comentários

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of