Como abrir uma empresa de infoprodutos

Como abrir uma empresa de infoprodutos

Como abrir uma empresa de infoprodutos? Você sabia que muitas pessoas vivem exclusivamente da venda de produtos digitais?

Com o avanço da tecnologia, é cada vez maior o número de pessoas que procuram por conteúdos relevantes e de boa qualidade através na internet, como por exemplo cursos completos, videoaulas, e e-books. De olho nessa demanda, muitos empreendedores estão surgindo e apostando nos infoprodutos como fonte de renda extra ou até mesmo como uma fonte exclusiva de renda.

Na maioria dos casos, os infoprodutores começam a atuar como pessoa física, vendendo seus produtos  para familiares e amigos mais próximos. No entanto, quando os negócios começam a crescer e junto com ele os resultados de venda, surge a necessidade de abrir uma empresa e formalizar o negócio.

Ao formalizar a sua empresa de infoprodutos, o empreendedor só tem a ganhar, um dos benefícios está justamente na possibilidade de passar a emitir notas fiscais, tornando seu negócio mais profissional e portanto atraindo mais clientes. Outro benefício, diz respeito ao pagamento de tributos com alíquotas menores do que as cobradas no imposto de renda para pessoas físicas.

Seu negócio digital cresceu e você precisa abrir uma empresa de infoprodutos, mas não sabe como? Então, não deixe de acompanhar esse artigo até o final e veja tudo o que você precisa saber sobre o assunto!

Quais CNAEs podem ser utilizados em uma empresa de infoprodutos?

Um dos primeiros passos relacionados a abertura de uma empresa de infoprodutos, diz respeito a escolha do CNAE correto. O CNAE – Classificação Nacional de Atividades Econômicas, é utilizado para determinar as atividades que serão desenvolvidas pela empresa e que para tanto ela estará autorizada pelo governo e seus órgãos competentes.

Para atividades digitais, como no caso das empresas de infoprodutos, é possível escolher entre um dos seguintes CNAES:

  • 8599-6/04 – Cursos ou treinamentos, para quem produz conteúdo digital, como manuais e cursos online.
  • 5811-5/00 – Edição de livros, para quem desenvolve todo o tipo de e-books.
  • 6319-4/00 – Dados na internet, entretenimento, busca e outros conteúdos na web para quem trabalha nesses ramos.
  • 7319-0/02 – Promoção de vendas, ideal para os afiliados.

Além de escolher a classificação de atividades econômicas de enquadramento da empresa, também será necessário escolher o seu regime tributário.

Qual é o melhor regime tributário para uma empresa de infoprodutos?

A legislação tributária brasileira é composta por alguns regimes tributários, dentre eles o MEI e o Simples Nacional, que por sinal, são as opções mais indicadas para quem pretende atuar como infoprodutor. Vamos conhecer melhor cada uma das opções?

MEI – Microempreendedor Individual: O MEI é um regime tributário e também de formalização de empresas destinado exclusivamente aos negócios que possuem faturamento anual de até R$ 81 mil.

No entanto, além de contar com um limite de faturamento, essas empresas não podem ter mais do que um funcionário com carteira assinada, o que a depender do tamanho da produtora digital pode não ser suficiente.

Por outro lado, nesse regime tributário, paga-se os impostos em uma única guia, em um valor acessível de pouco mais de R$ 50,00 mensais.

Simples Nacional: Por sua vez o Simples Nacional é um regime tributário destinado a empresas que faturam mais de R$ 81 mil anualmente ou então que necessitam contratar mais de um funcionário com carteira assinada. Semelhantemente ao MEI, nesse regime o empreendedor também contribui e paga seus impostos por meio de uma guia única.

No entanto, diferentemente do MEI que paga uma única guia em valor fixo, no Simples Nacional esse valor varia com base em alguns parâmetros, como por exemplo o valor total de vendas em cada mês.

Vale destacar, que em ambos os regimes as empresas poderão requerer a autorização para emissão de notas fiscais.

Como uma empresa de infoprodutos emite nota fiscal?

A possibilidade de emitir notas fiscais é uma das grandes vantagens que um infoprodutor obtém ao formalizar o seu negócio.

Basicamente, são dois os modelos de nota que podem ser emitidos por um infoprodutor, as Notas Fiscais de Serviço Eletrônicas, conhecidas também como NFSe e as Notas Fiscais Eletrônicas, conhecidas como NFe.

O tipo de nota fiscal a ser emitido dependerá basicamente do CNAE, ou seja das atividades desenvolvidas pelo infoprodutor, que podem ser enquadradas como prestação de serviço, caso em que serão exigidas as NFSe ou como venda de produtos digitais, caso em que a empresa de infoprodutos deverá emitir a NFe.

Para emitir as notas fiscais, o primeiro passo é registrar a empresa e obter o CNPJ – Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas. De posse desse documento já será possível solicitar a habilitação da empresa para emissão das notas fiscais.

Para emissão de notas de serviço, essa habilitação deve ser solicitada junto a prefeitura do município em que está sediada a empresa. Já para emissão das notas de venda, a solicitação deverá ser protocolada na Secretaria Estadual de Fazenda.

Recebida a autorização, a empresa de infoprodutos pode contratar um sistema para controle de vendas e emissão das notas fiscais, ou então utilizar os emissores gratuitos disponibilizados por boa parte das prefeituras.

Escolhendo os serviços de assessoria contábil

Por fim, para obter ajuda e orientações em todos os processos que envolvem a abertura de um novo negócio, você precisará de uma assessoria contábil.

Além de auxiliar no processo de abertura da empresa, a assessoria contábil também fica responsável pela execução de outras atividades indispensáveis para qualquer empresa, como por exemplo, o cálculo da folha de pagamento, a emissão de guias, a elaboração de balancetes e a prestação de orientações gerais de origem fiscal e contábil.

Pretende abrir uma empresa de infoprodutos e não sabe por onde começar ou possui dúvidas?

Então, não perca mais tempo, clique aqui entre em contato agora mesmo com o EuContador e converse com nossos especialistas em abertura de empresas.

Temos um time de profissionais gabaritados e preparados para ajudar você a regularizar e formalizar o seu negócio de forma rápida e descomplicada. É hora de tirar o seu sonho do papel, aguardamos seu contato!

 

Orçamento