Fale Conosco
  • phone
    (11) 2041-1019 \ (11) 2041-7266
  • location_on

    Rua Engenheiro Osvaldo Andreani 614, Sala 1 Vila Rio Branco, Zona Leste.

Deixe sua Mensagem

Como montar clínica de fonoaudiologia!

Como Montar Clínica De Fonoaudiologia - Como montar clínica de fonoaudiologia!

Profissionais que atuam nas diversas áreas da saúde costumam ter sempre os seus consultórios cheios. Como montar clínica de fonoaudiologia? Afinal, elas não só tratam doenças e problemas de saúde como também ajudam na prevenção e na qualidade de vida dos seus pacientes.

Entre as especialidades, existe a fonoaudiologia, que é o ramo voltado ao atendimento dos diferentes aspectos da comunicação, seja a linguagem oral e escrita, seja a fala, a voz e a audição.

O fonoaudiólogo também trata as funções responsáveis pela mastigação, respiração e deglutição. Isso quer dizer que se trata de um profissional que pode ser buscado em diferentes situações.

Exemplos é quando a criança está com dificuldade de sugar o leite na hora da amamentação, pessoas com dificuldade em deglutir, que apresentam rouquidão constante e problemas para ouvir. Mas não é só isso.

Pode-se buscar uma clínica fonoaudióloga ainda quando os jovens apresentam dificuldades relacionadas à leitura e à escrita, bem como dislexia. Doenças comuns na velhice e problemas de fala ou de respiração são outras situações que podem ser resolvidas em um consultório fonoaudiologia.


Portanto, se você deseja descobrir como montar clínica de fonoaudiologia, saiba que esse é um ramo bastante amplo. Mesmo que você não seja um profissional da área, pode abrir esse estabelecimento e contratar um quadro de fonoaudiólogos para atender a demanda.

Assista o vídeo no canal, e veja mais detalhes de como abrir sua clinica. 

No entanto, antes disso, é preciso estar ciente de todos os procedimentos que envolvem a abertura de um consultório fonoaudiólogo. Afinal, assim como qualquer outro tipo de estabelecimento, é preciso seguir o passo a passo adequado.

Para conferir tudo o que deve ser feito, então, continue lendo este artigo e saiba como montar clínica de fonoaudiologia conferindo as informações dos tópicos a seguir.

  • Defina o regime jurídico da clínica de fonoaudiologia
  • Determine o regime de tributação da clínica de fonoaudiologia
  • Registre a clínica de fonoaudiologia nos órgãos competentes
  • Obtenha os alvarás para abrir clínica de fonoaudiologia
  • Faça o registro no conselho adequadamente

Médicos

Defina o regime jurídico da clínica de fonoaudiologia

Quem deseja montar clínica de fonoaudiologia deve, primeiro, definir o regime jurídico do estabelecimento. Ou seja, é preciso decidir se o seu consultório fonoaudiólogo vai ter ou não sócios. Você pode ter sócios para uma estabelecimento maior ou reunir capital.

Quando a empresa conta com mais de um proprietário, o regime jurídico é o chamado LTDA – Sociedade Limitada. Já se você vai ser o único dono, então, pode escolher entre EI – Empresário Individual ou EIRELI Empresa Individual de Responsabilidade Limitada.

Tanto um quanto o outro indicam que você tem uma microempresa, ou seja, que para se enquadrar nessa modalidade o seu faturamento anual deve ser de até R$ 360 mil. Caso você fature mais do que isso e não chegue R$ 4,8 milhões, o seu negócio é uma pequena empresa.

Empresas de pequeno porte também devem seguir essas mesmas regras de regime jurídico. Já para saber se é melhor EI e EIRELI, basta saber a sua principal diferença. Enquanto no EI o capital pessoal e o capital do estabelecimento não ficam separados, no EIRELI, ficam.

Isso significa que se você escolher ser EI e a sua clínica de fonoaudiologia tiver problemas financeiros, o seu capital pessoal vai servir para pagar as dívidas. Mas quem opta por ser EIRELI não tem esse problema.

Por outro lado, é preciso que apresente um capital pessoal de, pelo menos, 100 vezes o valor do atual salário mínimo. Os bens no seu nome podem entrar nessa conta.

Determine o regime de tributação da clínica de fonoaudiologia

Depois de escolher um regime jurídico, é preciso determinar o regime de tributação clínica de fonoaudiologia. Em tese, estabelecimentos que se enquadram como micro e pequenas empresas optam pelo Simples Nacional, que se trata de uma modalidade simplificada de pagar impostos.

Com isso, exige-se uma equipe mais enxuta para esse trabalho, uma vez que os tributos são pagos de uma única vez. No entanto, existem algumas variáveis que podem afetar essa decisão. E, para avaliá-las, é recomendado contar com o apoio de um contador experiente.

Na realidade, esse profissional é necessário sempre que se abre um consultório fonoaudiologia, pois ele contribui com todo o passo a passo do procedimento necessário. De qualquer forma, quem não escolhe o Simples Nacional possui outras duas escolhas.

São elas o Lucro Presumido e o Lucro Real. Basicamente, o primeiro usa uma alíquota indicada pelo governo para servir de base para o pagamento de impostos. No segundo caso, a alíquota é definida de acordo com o lucro da empresa.

Registre a clínica de fonoaudiologia nos órgãos competentes

O próximo passo de como montar clínica de fonoaudiologia é oficializar a abertura do seu negócio, o que pode ser feito com muita praticidade e pela internet. Para tanto, basta acessar o site da Redesim, que oferece um sistema unificado para abrir qualquer tipo de empresa.

Em geral, o procedimento começa informando os dados solicitados nos formulários do site. Depois, é preciso juntar todos os documentos exigidos para entregar na Junta Comercial ou o Cartório de Registro de Pessoa Jurídica da sua cidade.

Se você preferir, essa etapa também pode ser feita indo ao órgão competente pessoalmente. Quando é protocolado o pedido de abertura de empresa no órgão competente, de maneira automática, a sua clínica também recebe a inscrição municipal.

Esse documento é mais uma exigência dos estabelecimentos que prestam serviços. Veja a seguir a lista de documentos que costuma ser necessária reunir:

  • Documentos pessoais de cada sócio, quando existirem;
  • Certidão de casamento, para quem for casado;
  • Comprovante de endereço.
  • Contrato Social;
  • Requerimento Padrão;
  • Registro profissional;
  • Cópia do IPTU do imóvel da clínica;
  • FCN (Ficha de Cadastro Nacional).

Após a entrega dos documentos é possível acompanhar pelo site a sua solicitação de abertura de consultório de fonoaudiologia. Se o pedido for aprovado, você recebe o CNPJ – Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica da sua clínica. Esse documento funciona como a identidade da sua empresa.

Obtenha os alvarás para abrir clínica de fonoaudiologia

Mesmo com as inscrições e registros necessários, é preciso ainda buscar os alvarás para o adequado funcionamento da sua fonoaudiologia clínica. No caso dos estabelecimentos de saúde, além do Alvará de Prevenção e Proteção Contra Incêndio, é preciso os de licença sanitária.

O primeiro alvará citado é solicitado no Corpo de Bombeiros da sua cidade. Já os demais alvarás podem ser solicitados à Agência Nacional de Vigilância de Saúde, à Secretaria Estadual ou à Municipal de Saúde.

Desse modo, é preciso verificar quais as exigências do seu caso e para quais desses órgãos é preciso se encaminhar. Vale lembrar que, se você começar a operar sem esses documentos, a fiscalização pode bater na sua porta e fechar o seu estabelecimento.

Faça o registro no conselho adequadamente

No caso das clinicas de fonoaudiologia, é preciso que a mesma seja registrada no Crefono – Conselho Regional de Fonoaudiologia. Da mesma forma, você deve contratar profissionais da área que também estejam registrados no órgão.

Ele é responsável por fiscalizar os profissionais, consultórios e clínicas do setor. Dessa maneira, é totalmente ilegal pular esse passo. Mais uma vez, sem esse registro, você pode ter graves problemas.

Também é preciso que o seu consultório fonoaudiólogo realize um cadastro no CNES – Cadastro Nacional de Estabelecimentos da Saúde. Com tudo isso, você e os seus funcionários estarão atuando de forma legal e segurança.

Agora que você já sabe como finalmente abrir o seu consultório fonoaudiólogo, está na hora de buscar um contador capacitado e qualificado para ajudá-lo nesse processo. Além de contribuir com a abertura em si da clínica, esse profissional é essencial para o dia a dia.

O contador pode manter em ordem a situação contábil e fiscal da sua empresa, evitando problemas financeiros e com o fisco. Assim, você pode focar no que realmente importa, ou seja, no atendimento aos pacientes da sua clínica de fonoaudiologia.

Ler mais

 

 

Avalie este Post!

Não perca mais nenhum post!

Assine nosso blog e receba novos posts frequentemente em seu email.

Mais sobre Notícias

Comentários

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of